Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Violência infantil

 

A Rastro Consultoria & Assessoria, célula experimental criada por alunos do curso de Administração do Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (Unileste-MG), lança uma campanha de conscientização e prevenção sobre o tema “Abuso Sexual e Violência Doméstica”. O trabalho tem parceria com a Associação Beneficente Nova Vida, que recebe e cuida de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social no Vale do Aço. Será nesta sexta-feira (26/6, às 19h), em coquetel no Hotel Independência, bairro Veneza I, em Ipatinga.

Segundo Lhedelce Cassemiro, aluna do quinto período do curso, e uma das executoras do projeto, o evento vem coroar atividades desenvolvidas durante todo o semestre letivo. Os alunos formaram células empresariais para análise e identificação de deficiências e necessidades de entidades beneficentes da região. “A partir de um diagnóstico feito sobre a Associação Beneficente Nova Vida, percebemos que era preciso divulgar o trabalho da ONG, sem, contudo, expor seu público atendido. Optamos, então, por lançar uma campanha contra violência doméstica e o abuso sexual de menores, levando à sociedade informações sobre o tema e despertando o interesse da comunidade sobre o trabalho da Associação”, explica a aluna.

Moisés Galdino, diretor administrativo da entidade, acredita que o trabalho desenvolvido pelos alunos dará visibilidade ao trabalho da ONG e auxiliará a captação de recursos para a manutenção do trabalho assistencial desenvolvido pela mesma. “Operamos, hoje, através de um convênio com a Prefeitura Municipal de Ipatinga que é insuficiente para sanar as necessidades da entidade. Esperamos que a campanha ajude a conscientizar a sociedade sobre a importância do amparo às vítimas desse tipo de violência”, afirma.

Ação solidária
Atualmente, a Associação Beneficente Nova Vida atende a 25 crianças e adolescentes, de zero a 14 anos, vítimas de abuso sexual e/ou violência doméstica. Além de elaborar e promover o lançamento da campanha, por meio de uma parceria com os alunos Alana Karem, Angélica Crístian, Henrique Jacob, Jader Rubini e Leidiane Bitencourt, do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda, os estudantes Daiane de Paula, Keiliane Bragança, Lhedelce Cassemiro, Mateus Almeida e Tamires Rocha, do curso de Administração, formularam também o planejamento estratégico da entidade.

“Mais do que colocar em prática tudo o que aprendemos em sala de aula, nos envolvemos em uma ação solidária, e aprendemos muito com os desafios enfrentados diariamente por essa entidade. A Associação Nova Vida me fez ver que é preciso persistir, não desistir nunca, apesar das adversidades”, relata Lhedelce.

“Iniciativas como esta, colocam o aluno diante da realidade do mercado de trabalho, e o ajudam a perceber que ele pode ser um agente de colaboração e de mudanças. O contato com o terceiro setor é fundamental para o despertar dessa consciência social”, opina Anna Carolina Moreira de Oliveira, professora orientadora do projeto.

Marcas da violência
Segundo pesquisas realizadas pelo Unicef, a violência doméstica e o abuso sexual de menores deixam marcas físicas e comportamentais capazes de denunciar a ocorrência das agressões. Educadores, amigos, vizinhos e familiares devem estar atentos aos relatos da criança e suas reações frente estranhos ou freqüentadores da casa.

Vergonha excessiva, comportamento sexual inadequado para a idade, faltas freqüentes à escola ou medo de voltar para casa, tristeza e ansiedade devem ser observados, averiguados, e denunciados, em caso de suspeita de abuso. As denúncias podem ser feitas de maneira anônima pelo ‘Disque 100’.

As crianças abrigadas pela Associação Beneficente Nova Vida são sempre encaminhadas pelo poder judiciário, Polícia Militar, Conselho Tutelar e Ministério Público.

Pessoas físicas ou jurídicas interessadas em apoiar o trabalho da entidade podem reservar convite para o coquetel de apresentação da campanha pelo e-mail, ou fazer contato pelo número (31) 3822-6701 .

 

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário