Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

UFMG – Reitor

O reitor da UFMG, Clélio Campolina, recebeu na tarde desta quarta-feira, 9, o embaixador da Polônia no Brasil, Jacek Junosza Kisielewski. Eles trataram da possibilidade da UFMG estabelecer vínculos acadêmicos com instituições de ensino superior do país europeu. De acordo com o embaixador polonês, a ideia é que ocorram brevemente intercâmbios de professores e alunos. “Buscamos novas oportunidades de cooperação”, ele disse. Kisielewski argumentou que a atual situação econômica da Polônia favorece acordos nessa área. Segundo o embaixador, seu país tem 2 milhões de estudantes na universidade. “Formam-se por ano cerca de 400 mil alunos”, acrescentou. 

Clélio Campolina lembrou a autonomia das 20 unidades de ensino da UFMG. “Todos os convênios são feitos pela reitoria, mas precisam estar enraizados em alguma unidade. É preciso haver conexão acadêmica.”

Na reunião, que ocorreu no gabinete do reitor, também estavam presentes a embaixatriz da Polônia, Grazyna Junosza Kisielewska, o diretor de Relações Internacionais da UFMG, Eduardo Vargas, a consulesa da Polônia, Célia Pimenta Pichon, e a assessora de Relações Externas do governo de Minas Gerais, Vanessa Amarante.

O embaixador polonês presenteou o reitor da UFMG com livros sobre a literatura e a cultura polonesa. 

Fonte: UFMG Online

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário