Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Triângulo da Homofobia

 

Nesta segunda-feira (11/05), será aberta na Biblioteca Central Professor Antonio Jorge, no Campus da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), a Mostra Cultural “Triângulo da Homofobia”, que vai até quinta-feira (16/05). Iniciativa do Núcleo de Estudos sobre Homocultura (Nehom), da Unimontes, o evento fará parte das comemorações do Dia Internacional de Combate à Homofobia (17 de maio).

Está inserida na programação a mesa-redonda sobre “Direitos humanos, Homocultura e homofobia’, que acontecerá terça-feira (12/05), no auditório do prédio 1 do campus-sede, pela manhã (8h) e à noite (20h10). O assunto será abordado pelo antropólogo Carlos Caixeta de Queiroz, com a participação do psicólogo Antonio Carlos Ferreira – ambos professores da Unimontes –, além do coordenador do Nehom, Ronilson Gervásio de Brito.

Haverá, também, a exibição de vídeos documentários relacionados ao tema. O primeiro deles é o filme “Pra que time ele joga?”, produzido do Ministério da Educação (MEC), na terça-feira, às 7h40, no auditório do prédio 1. No mesmo local, às 19h40, será exibido o documentário “Desejo Proibido”, produção norte-americana.

“O objetivo é promover uma reflexão sobre o triângulo homofóbico existente na sociedade, discutindo a homofobia dos pontos de vista religioso, jurídico e médico”, afirma Ronilson Gervásio de Brito. “A proposta é que a homofobia seja atenuada no meio das instituições sociais, como a família, a escola e a igreja, e, ainda, no trabalho e nos locais públicos, através da informação a todos sobre as políticas públicas afirmativas”, acrescenta o coordenador.

Durante a mostra cultural, estarão expostos na Biblioteca Central cartazes, livros e textos que tratam da questão da homofobia, mostrando atos de violência, preconceito e de violação dos direitos humanos. A exposição será aberta nesta segunda-feira, às 8 horas.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário