Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Reitor da UFJF diz que perfil de consórcio deve entrar em discussão neste ano

A UFJF poderá fazer parte de um consórcio de sete universidades federais mineiras, que visa fortalecer o ensino, pesquisa e extensão das instituições e a relação com o Governo Federal. O reitor Henrique Duque participou de reunião com o ministro da Educação, Fernando Haddad, na última segunda-feira (19/07), em que foi debatida a proposta de criação do grupo, que incluirá ainda as universidades de Alfenas, Itajubá, Lavras, São João Del-Rei, Ouro Preto e Viçosa. (Veja matéria completa sobre o Encontro).

De acordo com o reitor, o consórcio trará ainda mais mobilidade a alunos, professores e técnico-administrativos. “Pesquisas poderão ser realizadas em conjunto, somando a expertise de cada universidade”, destaca.

Os reitores de cada uma das federais irão se reunir para elaborarem um plano de desenvolvimento institucional do grupo. Segundo Henrique Duque, o encontro deve ocorrer ainda este ano. “A autonomia de cada instituição será mantida”, ressalta. Assim que finalizada, a proposta será encaminhada ao Conselho Superior da UFJF para aprovação.

A localização geográfica, a qualidade e a complementaridade das ações são indicadores do alto potencial de criação de um consórcio que permitiria, além da integração acadêmica nos campos de ensino, pesquisa e extensão, formas mais eficientes e eficazes para a utilização racional de recursos, parcerias para o desenvolvimento e troca de tecnologias, atuação em áreas estratégicas e, ainda, a discussão de soluções para os problemas sociais da região, do país e do mundo.

No país, já existem consórcios entre universidades, como a Comunidade Virtual de Aprendizagem – Rede de Instituições Católicas de Ensino Superior (CVA-Ricesu) integra, atualmente, 15 universidades e centros Universitários de várias regiões do Brasil. Outro grupo é o Centro de Educação a Distância do Estado do Rio de Janeiro (Cederj), que reúne seis universidades públicas do Estado.

(Assessoria de Imprensa da UFJF)

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário