Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Reciclagem, nas Férias

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está realizando, desde segunda-feira (19/01), o Programa de Mobilidade Acadêmica (PMA), que vai até domingo (25/01). O Programa movimenta a Faculdade de Engenharia durante este período de férias letivas. Mesmo estando em sua primeira edição, o programa recebeu 24 alunos de nove universidades do país, que assistem a palestras, participam de oficinas e realizam trabalhos práticos nos laboratórios da faculdade.

Segundo o coordenador, Francisco Gomes, o evento está superando as expectativas, pois havia um receio inicial por parte da organização de não haver universidades interessadas em participar. No entanto, a coordenação do PMA precisou encerrar as inscrições no início de dezembro, já que as vagas foram preenchidas rapidamente.

O estudante Danilo de Barros Herrera, da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), diz que o programa possibilitou a troca de informações, o conhecimento de novas idéias e de atividades diferentes. Além disso, acredita que o fato da UFJF custear algumas despesas dos participantes é uma facilidade a mais para os estudantes. Para ele, o tema que despertou mais a atenção foi a tecnologia de LEDs (Diodos Emissores de Luz), que é uma novidade e também uma tendência para a substituição de lâmpadas convencionais, barateando o gasto energético.

Já para Brígida Decker, aluna da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o mais interessante é estar conhecendo projetos de caráter social, como o aquecedor solar construído com garrafas PET, desenvolvido pelo Laboratório de Eficiência Energética (LEENER). Brígida achou o encontro muito produtivo e gostou da idéia de realizá-lo durante as férias, pois é quando os alunos têm mais tempo disponível.

Vindo da região nordeste, o aluno da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Nustenil Segundo, reiterou a opinião dos colegas, dizendo ter aprendido bastante durante esses dias e que o Laboratório de Eficiência Energética é muito bem estruturado.

A coordenação do PMA já prevê outras edições em 2010 e 2011, sempre com o objetivo de estabelecer a integração de estudantes de todas as regiões do Brasil, com foco no combate ao desperdício de energia elétrica.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário