Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Papai Noel

O Grupo de Trabalho e Humanização do Hospital Aroldo Tourinho (GTH/ HAT) da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) levou, esta semana, através de seu Papai Noel, presentes às crianças carentes de Montes Claros. O projeto está dentro do programa de humanização da instituição, realizado por meio de padrinhos.

O objetivo da instituição é estar presente nos momentos especiais das famílias dos seus colaboradores e trazendo aos filhos deles um natal com mais alegria.Foram distribuídas cartinhas para os colaboradores com filhos menores de sete anos. As crianças escrevem as cartas endereçadas para o “Papai Noel”, e os membros do GTH se responsabilizam em apadrinhar e encontrar pessoas para apadrinhar uma carta.

Este ano, supervisores, médicos, diretores da própria instituição, além de algumas empresas da cidade e amigos do Hospital foram padrinhos das diversas cartas recebidas. Cerca de 120 cartas foram respondidas e os presentes entregues pelo Papai Noel do Aroldo Tourinho, nas casas das crianças. Uma comitiva de membros do GTH acompanhou a entrega, e distribuiu “lembracinhas” nos locais.

Segundo Jomária Santos, coordenadora do GTH, o ato de ajudar crianças carentes neste natal se torna símbolo do amor ao próximo e uma alegria para os membros do grupo. “Com esse projeto somos capazes de visualizar a felicidade das crianças, além de contribuir para um natal mais humanizado” diz Jomária.

Segundo Athos Mameluque, provedor do Hopital Aroldo Tourinho, o projeto busca a cada ano aumentar o número de crianças atendidas, e aumentar a quantidade de padrinhos. “Este projeto visa ajudar e ser exemplo para outras instituições. Mostrar amor e responsabilidade para com as crianças é um de nossos ideais mais importantes” acrescenta.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário