Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Meia-entrada

Projeto de Lei, do Senado, limita a venda pela metade do preço – conhecida por meia-entrada – ao máximo de 40% do total de ingressos oferecidos ao público em salas de cinema, espetáculos de teatro e circo, museus, parques e eventos educativos, esportivos e de lazer.

A proposta, apresentada pelos senadores Eduardo Azeredo (PSDB-MG) e Flávio Arns (PT-PR), estabelece novas regras para a meia-entrada à qual têm direito os estudantes e pessoas com mais de 60 anos. O projeto foi aprovado pelo Senado na forma de substitutivo elaborado pela senadora Marisa Serrano (PSDB-MS).

O projeto também prevê a criação do Conselho Nacional de Fiscalização, Controle e Regulamentação da Meia-Entrada e da Identificação Estudantil. O órgão, a ser criado pelo Executivo, terá a responsabilidade de definir critérios para a padronização e distribuição da identidade estudantil, entre outras atribuições.

O objetivo é moralizar a chamada “carteira de estudante”, centralizando sua emissão, a fim de evitar a proliferação descontrolada de documentação falsa ou duvidosa.

O projeto tem regime de prioridade e será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Veja a íntegra da proposta.

Fonte: Agência Câmara

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário