Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Investimentos na UFJF

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está lançando, para 2009, seu maior programa de investimentos dos últimos dez anos. São cerca de R$ 60 milhões em recursos para obras e equipamentos, conseguidos pelo Reitor Henrique Duque junto ao Governo Federal e também por meio e fontes de financiamento e de emendas parlamentares.

O complexo de novos empreendimentos também inclui os que já foram garantidos pelo Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das universidades federais (REUNI) para o ano, que representam cerca de um sexto do total de recursos adquiridos. Os contratos totalizam R$ 60.589.819, sendo R$ 53.583.818 em obras e melhorias, além de R$ 7.006.001,92 em equipamentos. Eles foram assinados na sexta-feira (16/01), pelo Reitor.

Segundo Henrique Duque, o objetivo das novas obras é contemplar melhorias na qualidade do ensino, da pesquisa e da extensão desenvolvidos pela UFJF. “Em 2001 foi feita uma ampliação de vagas na Universidade e não houve uma contrapartida do Governo para o aumento do número de servidores nem de infraestrutura. Além de promover essa ampliação, também queremos resgatar esse passivo.”

O Pró-reitor de Infraestrutura da UFJF, Márcio de Oliveira Resende, afirma que o conjunto de projetos garantirá a modernização da Universidade, dentro do contexto de um grande projeto de desenvolvimento acadêmico. “Esse extenso programa de obras e aquisição de equipamentos terá um impacto direto nas atividades acadêmicas desenvolvidas na Universidade, auxiliando, ainda mais, a formação dos alunos que passam por aqui.”

Empreendimentos

Os recursos contemplam obras como a do novo prédio da Faculdade de Medicina, que funcionará próximo ao novo HU/CAS. Com cinco andares, em área de quase 10 mil metros quadrados, o prédio terá modernas instalações, com laboratórios de ponta no ensino da área, além de um anfiteatro com capacidade para 500 pessoas.

A segurança no Campus também tem sido priorizada. Um dos projetos consiste na implantação de um novo sistema de vigilância e monitoramento, que contará com 204 câmeras espalhadas pelo anel viário, Biblioteca Central e Reitoria, nesta primeira fase. A sala de monitoramento contará com dez monitores de LCD e equipamentos de rádio para dar suporte à vigilância armada presente hoje no Campus. Até a terceira fase, que ainda será licitada, todas as unidades serão cobertas, com um total de 929 câmeras. Também será implantado um novo sistema de iluminação, com a duplicação da linha de postes ao longo do anel viário.

Os recursos também irão contemplar a criação de um Centro de Convivência para os que utilizam o Campus para atividades de lazer. Será construído um prédio para abrigar equipes do Corpo de Bombeiros. Será implantada uma usina de eletricidade movida a diesel, para economia de energia e para garantir a continuidade das atividades desenvolvidas na UFJF em casos de piques ou cortes de energia.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário