Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Festival de Inverno

 

O “Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana – Fórum das Artes 2009”, de 8 a 26 de julho invade as ruas e ladeiras, praças, teatros e cinema das duas cidades históricas. O Festival é uma realização da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), em parceria com as Prefeituras Municipais de Ouro Preto e Mariana e a Fundação Educativa de Rádio e TV Ouro Preto (FEOP).

A programação oficial do Festival de Inverno, com a grade completa dos shows e espetáculos, exposições e das oficinas será lançada, oficialmente, no dia 24 de junho (às 9h30), no teatro Casa da Ópera, em Ouro Preto, MG.

Um dos maiores do país, o evento cultural se destaca pela diversidade de atrações com manifestações artísticas locais, nacionais e de outros países. o Festival de Inverno deste ano tem o tema: “Clube da Esquina e o chão de nossa terra”. Homenageia a turma que, na década de 1960, fez surgir um movimento que mudaria a história da música brasileira. Apresentando na estrada do som e das palavras o jeito de ser mineiro, o grupo se tornou uma referência da geração que os influenciou e das muitas que por eles continuam sendo tocadas.

Conhecido por evidenciar a cultura de Ouro Preto e Mariana e reconhecido como o mais tradicional de Minas Gerais, o Festival de Inverno congrega uma série de atividades em 20 dias de efervescência cultural, com oficinas de aperfeiçoamento de técnicas para profissionais e iniciantes em artes cênicas, música, artes plásticas e visuais, literatura, patrimônios cultural e natural e rua.

O formato evidencia a interação entre a Universidade e a comunidade. Trata-se de extensão universitária que contribui para a promoção do intercâmbio cultural entre artistas, músicos, estudantes, turistas e público em geral.

Além do intercâmbio cultural, os reflexos desse programa são sentidos na economia local e regional, pelo incremento do turismo e da atividade econômica pelo interesse gerado no público interno e nos turistas que visitam as cidades históricas durante o mês de julho. Trata-se, também, de uma ótima oportunidade para futuros calouros conhecerem de perto as potencialidades da Universidade, familiarizando-se com os eventos realizados por ela.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário