Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Enade de 2010

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, nesta quarta-feira (24/02), as informações sobre o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) deste ano. A portaria que estabelece o Enade 2010 foi publicada na edição desta terça-feira (23/02) do Diário Oficial da União. A prova do Enade 2010 será aplicada no dia 7 de novembro, com início às 13 horas (horário de Brasília).

Segundo a divulgação, cerca de 450 mil estudantes distribuídos por 4,5 mil cursos deverão se submeter ao Exame. Serão avaliados estudantes dos cursos de bacharelado em agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social, terapia ocupacional e zootecnia. E, pela primeira vez, também serão avaliados estudantes dos cursos superiores de tecnologia em agroindústria, agronegócios, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia.

Deverão fazer o Enade 2010 os estudantes ingressantes que até o dia 2 de agosto tiverem concluído entre 7% e 22%, inclusive, da carga horária mínima do currículo do curso, e os estudantes concluintes que tenham concluído pelo menos 80% da carga horária mínima do currículo do curso, ou que tenham condições de conclusão do curso no ano letivo de 2010.

Para os cursos superiores de tecnologia com carga horária mínima de até 2 mil horas, serão considerados ingressantes aqueles que, até o dia 2 de agosto, tiverem concluído entre 7% e 25%, inclusive, da carga horária mínima do currículo e serão considerados concluintes aqueles que até o dia 2 de agosto tiverem concluído pelo menos 75% da carga horária mínima do currículo do curso ou que tenham condições acadêmicas de conclusão do curso no ano letivo de 2010.

Estão dispensados do Enade 2010 os estudantes que colarem grau até o dia 31 de agosto de 2010 e aqueles que estiverem oficialmente matriculados e cursando atividades curriculares fora do Brasil, na data de realização do exame, em instituição conveniada com a instituição de origem do estudante.

A portaria prevê, ainda, a aplicação de provas em municípios onde há polos de apoio presencial credenciados pelo MEC. Com isso, o atendimento aos estudantes de cursos de graduação na modalidade de educação a distância avaliados em 2010 será ampliado.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário