Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Doação e transplante

A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) divulgou o relatório estatístico da captação e transplante de órgãos e tecidos referente ao ano de 2008.

Segundo o coordenador da CIH-DOTT, Ilídio Antunes de Oliveira Júnior, os índices de produtividade no Hospital estão acima do mínimo estipulado pelo Sistema Nacional de Transplantes coordenado pelo Ministério da Saúde.

Na análise da produtividade do desempenho da Comissão Intra-hospitalar, segundo os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde, o trabalho da CIH-DOTT do HC da UFTM, atendeu e ultrapassou os índices mínimos, informa o coordenador da Comissão, Ilídio Antunes.

Das entrevistas realizadas para doação de córneas, 38,88% foram confirmadas. O mínimo, segundo a Portaria, é 20%. Das doações de múltiplos órgãos foram efetivadas 100%, das notificações de morte encefálica. Nesse caso, o índice mínimo estabelecido é 30%.

O índice só não foi atingido no item total de doações efetivadas em relação às entrevistas familiares. Foram 96 entrevista com familiares e 41 doações efetivadas, o que significa 42,70%, sendo que o solicitado pelo Ministério da Saúde é 60%.

Medula

Durante o ano de 2008, a CIT-DOTT do HC promoveu 55 reuniões com palestras do projeto “Vida pela Vida”, realizadas para incentivar a doação de múltiplos órgãos e tecidos, e o cadastro de novos doadores voluntários de medula óssea. Compareceram 1.306 pessoas.

Já são 5.803 doadores voluntários registrados, desde 2001. Todos já fizeram coleta de sangue e estão incluídos no Cadastro Nacional de Doadores de Medula Óssea – Redome.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário