Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Conheça algumas das diferenças entre cursos técnicos e tecnólogos

 

Ainda existem muitos questionamentos quanto à formação do profissional técnico e tecnólogo. Dessa forma, o coordenador do curso Tecnólogo em Redes de Computadores do Inatel, Fabiano Valias de Carvalho, esclarece alguns pontos que são decisivos no momento de escolha do ingresso em uma instituição.

“Em média, os cursos técnicos têm duração de um ano e meio até dois anos. Já os tecnólogos dão o título de curso superior, com duração entre dois anos e três anos e meio. Na maior parte das vezes, o investimento é quase o mesmo, porém o profissional tecnólogo acaba tendo mais vantagens, devido à formação mais abrangente”, explica Carvalho.

Nos cursos tecnólogos, há uma reestruturação na oferta de disciplinas, em comparação com a faculdade tradicional. Isso significa que o conteúdo é sempre atualizado de acordo com as demandas do mercado. “As aulas dos cursos tecnólogos garantem profundidade, de forma que o estudante é rapidamente inserido no mercado”, ressalta.

Lançamento

A partir de 2010, o Inatel passa a oferecer o Curso Tecnólogo em Redes de Computadores, com duração de três anos. As aulas, com início previsto para o dia 08 de fevereiro, serão realizadas diariamente no campus do Instituto, do período das 19h30 às 23h10 horas.

“O curso foi estruturado para formar o tecnólogo apto a implantar e administrar redes de computadores, visando alto desempenho, disponibilidade, integridade e segurança das informações e, assim, gerenciar e implantar a infra-estrutura tecnológica. Além disso, o curso tem como grande diferencial a preparação do aluno para os testes de certificação de importantes fabricantes de redes”, afirma o coordenador do curso.

“O foco desse curso é mais abrangente. O curso tecnólogo, que conta menor tempo de duração, vai atrair além dos alunos recém-saídos do Ensino Médio, os profissionais que já estão no mercado de trabalho e querem se aprimorar, garantindo assim melhores posições em suas áreas de atuação”, avalia o vice-diretor do Inatel e pró-diretor de Pós-Graduação e Pesquisa, professor Dr. Carlos Roberto dos Santos.

Processo Seletivo

As inscrições para o Vestibular 2010 já estão abertas e podem ser feitas de duas formas: pela internet, no site www.inatel.br/vestibular (até o dia 08 de dezembro) e também no campus do Inatel (até 11 de dezembro). Para validar as inscrições, o candidato deve pagar a taxa de inscrição no valor de R$ 30,00.

O Vestibular de Dezembro irá oferecer todas as vagas do primeiro e segundo semestre para os cursos de Engenharia Elétrica e Engenharia da Computação, e também para o novo curso de Tecnólogo em Redes de Computadores, sendo distribuídos para ingresso de acordo com a escolha do candidato e com a classificação no processo seletivo. Restando vagas remanescentes, para o primeiro e o segundo semestre de 2010, serão recebidas inscrições para os interessados que desejarem utilizar os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, no período de 04 a 15 de janeiro de 2010.

As provas serão aplicadas no dia 12 de dezembro, das 9h às 11h30 e das 13h30 às 17h30, no campus do Inatel. Mais informações podem ser obtidas no campus do Inatel, sito à Av. João de Camargo, 510, Centro, Santa Rita do Sapucaí. Também pelo telefone (35) 3471.9345 ou pelos endereços eletrônicos [email protected] ou www.inatel.br/vestibular.

Inatel

Fundado em 1965, o Inatel é um centro de excelência em ensino e pesquisa na área de Engenharia, e tem se consolidado cada vez mais, no Brasil e no exterior, como um celeiro de grandes talentos. Foi a primeira instituição de ensino do país a oferecer um curso superior de Engenharia tendo as Telecomunicações como foco.

O Inatel está localizado em Santa Rita do Sapucaí, Sul de Minas Gerais, pólo tecnológico conhecido como Vale da Eletrônica devido ao grande número de empresas na área.

 

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário