Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Choque cultural

 

“A Universidade num Tempo de Choque Cultural” é o tema da palestra que o ex-Reitor da Universidade Federal do ABC, professor Luiz Bevilacqua, fez, nesta terça-feira (19/05), no Instituto de Ciências Exatas (ICE). O evento foi uma promoção do Departamento de Mecânica Aplicada e Computacional da Faculdade de Engenharia e do Departamento de Ciência da Computação do ICE.

Resumindo a apresentação, o professor destacou que o avanço extraordinário da ciência e da tecnologia nestes últimos cem anos, infelizmente, não tem sido acompanhado pela atualização da universidade. “A estrutura acadêmico-pedagógica da universidade é incompatível com a dinâmica atual do conhecimento, tanto em termos de uma nova convergência temática de pesquisa científica para formar novos poços de conhecimento, como de um novo projeto curricular para proporcionar às novas gerações os instrumentos necessários para se conduzirem numa era de mutações imprevisíveis”, destaca.

Para o professor, as dificuldades em se estabelecer os novos modelos não justificam a imobilidade da universidade que, aparentemente, permanece na clássica atitude de preservar nichos de conhecimento que já deram excelente contribuição no passado, mas precisam ser revistos dentro de um perspectiva de “nova ciência” referida, frequentemente como interdisciplinar.

Ele aponta, ainda, que a lentidão dos processos de evolução do sistema universitário é incompatível com as descontinuidades do conhecimento e dos processos de formação que caracterizam a onda de choque cultural por que passamos. “Coragem, ousadia, humildade, reflexão e muito trabalho são ingredientes absolutamente necessários para vencer essa singularidade dos tempos atuais, em que o passado atropela o presente e quer se intrometer pelo futuro, sem que sejamos esmagados e fiquemos irrecuperavelmente na esteira da ciência e da tecnologia, mais uma vez e talvez por incontáveis gerações”, afirma.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário