Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Biblioteca Digital mineira

 

Foi lançada, no início de maio (6/05), a Biblioteca Digital do Estado de Minas Gerais Professor Raymundo Nonato de Castro . Seu objetivo é reunir, preservar e armazenar textos em versão integral da vasta literatura técnica de entidades da administração pública (fundações, instituições de pesquisa e de fomento à pesquisa, empresas de tecnologia e universidades) e de órgãos das mais diversas áreas. Pretende também promover a disseminação da informação, democratizar o acesso a documentos, textos, mapas, plantas e fotografias digitalizadas.

A biblioteca digital é uma iniciativa da Fundação João Pinheiro (FJP), Diretoria de Governança Eletrônica da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (E-Gov Minas/Seplag) , Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais (Prodemge) , Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) e Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (Fapemig) .

O professor Raymundo Nonato de Castro, que dá nome à biblioteca, foi o primeiro diretor geral do ETRA (Escritório Técnico de Racionalização e Administração), que viria a se transformar na Prodemge. Também foi responsável pela implantação do primeiro centro de processamento de dados da administração direta, tendo elaborado a carta estratégica da reforma administrativa da administração do Estado, primeiro documento a estabelecer as diretrizes gerais para a racionalização administrativa de Minas Gerais.

História de Minas
A bibliotecária Joana D’arc Ferreira Inácio, gerente da biblioteca da FJP e coordenadora da biblioteca digital, informou que a partir de agora qualquer pessoa poderá ter acesso a um grande acervo, inclusive à chamada “literatura cinzenta”, composta de bibliografias consideradas restritas e de difícil acesso. A biblioteca digital conterá toda a produção bibliográfica do estado, guardando parte da história contemporânea de Minas Gerais.

“Por enquanto o acervo é composto por arquivos da FJP, Secretaria de Estado de Defesa Social e pelas bases da Fapemig, mas o objetivo é que gradualmente outras instituições também disponibilizem seus acervos, que serão avaliados e disponibilizados pela FJP”, disse. Mas lembra que as próprias instituições deverão preparar aos acervos e enviá-los já digitalizados à Fundação João Pinheiro.

Ela informou que, no futuro, novos acervos e outros tipos de mídias serão acoplados à biblioteca digital e entidade privadas, como ONGs, por exemplo, poderão participar da biblioteca digital, desde que seus acervos abordem o Estado de Minas Gerais e ainda não tenham sido publicados.

Interatividade
O diretor da Central de Gestão da Informação da Superintendência Central de Governança Eletrônica da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), Rodrigo Diniz Lara, explicou que a biblioteca digital faz parte dos objetivos do Estado de aumentar a interatividade nos serviços para os cidadãos.

Disse, também, que até maio de 2010, as instituições do estado terão à disposição o software AURUS, uma plataforma robusta para o gerenciamento de serviços de Tecnologia da Informação (TI), que permite implementar qualquer processo organizacional e adaptá-lo às necessidades da organização. É uma ferramenta aplicável em diversas áreas, que garante aumento na produtividade, melhor controle de processos e melhores práticas de gestão de serviços.

Atualmente, a biblioteca digital disponibiliza informações de Administração, que englobam trabalhos de Planejamento e Gestão, Economia e Políticas Públicas; Ciência e Tecnologia, com acervos de Planejamento Urbano, Estatística e Saúde; e Informática Pública, contendo dados de Biblioteconomia e Segurança. Só da FJP são 5.000 trabalhos técnicos, 5.000 mapas e plantas, 900 páginas documentais e 1.200 fotografias. A próxima instituição a disponibilizar seu acervo virtual será o Centro Tecnológico de Minas Gerais (Cetec).

Mais informações, telefones: (31) 3448-9511 / 9497 / 9496 (Joana D’arc F. Inácio, gerente da biblioteca da Fundação João Pinheiro e coordenadora da biblioteca virtual).

Acesse e conheça .

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário