Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Administração Pública

 

A Universidade Federal de Lavras (UFLA) instalou uma Comissão Institucional para elaborar proposta de oferecer cursos de graduação e pós a distância, financiados pelo próprio governo federal. O primeiro a ser oferecido, já em 2009, é o de Administração Pública.

A partir do segundo semestre serão oferecidas 200 vagas gratuitas do curso de Administração Pública, que terá quatro pólos, nas cidades de Formiga, Campos Gerais, Araçuaí e Santa Rita de Caldas. Além dos professores responsáveis pelo conteúdo, haverá um tutor (aluno de Mestrado ou Doutorado) para cada grupo de 25 alunos.

A expectativa é que a instituição venha a oferecer também outros bacharelados como Estatística, Geografia Ambiental e Pedagogia. Esses ainda estão em fase de consulta para implantação. E além destes, “também há expectativas com relação às licenciaturas de Física, Matemática, Química, Ciências Biológicas e Educação Física”, afirma o Pró-Reitor de Graduação, professor João Chrysostomo de Resende Júnior.

O professor João Chrysostomo explica, ainda, que essa implantação “faz parte da política do governo federal de oferecer cursos superiores a professores que já trabalham na educação básica e não têm diploma de curso superior. Normalmente, esses professores não podem deixar seu trabalho para fazer graduação”.

Há uma meta estabelecida por lei federal, na qual pelo menos 30% dos jovens brasileiros entre 18 e 24 anos estejam matriculados no ensino superior até 2010. Atualmente, só 12% encontram-se matriculados. O ensino a distância é um dos meios para se atingir essa meta, por facilitar o acesso. Esse é um dos motivos da criação da Universidade Aberta do Brasil (UAB).

A EAD não interfere nos cursos ministrados nos campi. Os pólos são situados em cidades nas quais a Prefeitura oferece estrutura para que os encontros presenciais sejam realizados. Em relação à qualidade dos cursos, as avaliações (que representam a grande parte da nota) são todas presenciais, evitando fraudes.

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário